Arquivo da categoria: Psicologia

O rap do peixinho doido

Aiai… tem certas coisas por aí que desafiam nossa paciência e nossa persistência: como pode um mero vídeo no Youtube conter tantos erros sucessivos e como posso esclarecê-los um a um? É frustrante… O vídeo ao qual me refiro é este que se segue, assistam:

Pelos deuses!

O vídeo já começa mal: atribuindo a Einstein a velha e batida fábula de autoajuda do peixinho julgado como estúpido porque tentaram, sem sucesso, lhe ensinar a subir em árvore. Einstein nunca disse isso!! Se quem fez esse texto repleto de rimas, pronunciado como um rap pelo advogado das causas sublimes e celestiais, fosse mesmo um entusiasta da educação, já teria aprendido a checar a veracidade das citações antes de fazê-las. Aliás, nota-se que o vídeo não precisou nem de 2 segundos para mostrar a que veio: desinformar.

Continuar lendo O rap do peixinho doido

Anúncios

Deixemos de ser estúpidos: aumentar penas não resolve o problema da violência!

Abaixo um par de textos escritos pelo doutor em direito penal Luiz Flávio Gomes para a coluna Última Instância do portal UOL. Neles, Gomes defende a tese de que maiores penas não diminuem a criminalidade. Continuar lendo Deixemos de ser estúpidos: aumentar penas não resolve o problema da violência!

Grito preso

A vinda do Papa Francisco no Brasil para a Jornada Mundial da Juventude foi alvo de críticas de diversos grupos, dentre eles grupos de evangélicos (que alegaram se tratar de um evento “idólatra”), grupos de ateus (que reclamaram injustificadamente dos gastos públicos de 118 milhões e que aproveitaram para fazer o irreverente desbatismo com secador de cabelo) e de minorias que protestavam contra preconceitos que a Igreja Católica alegadamente permite, pratica ou até mesmo incentiva. Dentre esses últimos, quem mais conseguiu chamar atenção foi um casal semi-nu de participantes da Marcha das Vadias quebrando imagens de santas depois de usá-las como objetos sexuais. Continuar lendo Grito preso

Pseudociência: Darwinismo Social

Começo hoje dizendo algo importante sobre o que penso: os direitistas radicais do tipo cristãos-libertários são um verdadeiro atraso para a política da nossa sociedade. Tanto quanto a esquerda moderna.  Dois xixis de gato.

Continuar lendo Pseudociência: Darwinismo Social