Craig e o Massacre de Newtown

Para quem não entende inglês, uma pequena tradução da transcrição. Eu fiz bem rápido, de ouvido mesmo, então não ficou muito fiel à forma como ele falou, apesar de ter ficado bem fiel a tudo que ele quis dizer. Até 1:15 min, Craig lamenta pelas vítimas e se diz solidário à dor dos pais das crianças assassinadas na pequena cidade norte-americana. Mas a partir de então, ele esquece tais lamentos (ou pára de fingi-los… vai saber!) para dizer algo que só não é mais surpreendente porque ele já fez coisas parecidas antes.

Mas depois, enquanto eu lia sobre o assunto, me ocorreu com bastante força que o Natal original também foi marcado por uma série de assassinatos de… crianças! Estou me referindo, obviamente, ao que foi feito pelo Rei Herodes fez. Vamos ler a narrativa de Mateus, capítulo 2 [1-18]:

1. Tendo, pois, Jesus nascido em Belém de Judá, no tempo do rei Herodes, eis que magos vieram do oriente a Jerusalém.

2. Perguntaram eles: Onde está o rei dos judeus que acaba de nascer? Vimos a sua estrela no oriente e viemos adorá-lo.

3. A esta notícia, o rei Herodes ficou perturbado e toda Jerusalém com ele.

4. Convocou os príncipes dos sacerdotes e os escribas do povo e indagou deles onde havia de nascer o Cristo.

5. Disseram-lhe: Em Belém, na Judéia, porque assim foi escrito pelo profeta:

6. E tu, Belém, terra de Judá, não és de modo algum a menor entre as cidades de Judá, porque de ti sairá o chefe que governará Israel, meu povo(Miq 5,2).

7. Herodes, então, chamou secretamente os magos e perguntou-lhes sobre a época exata em que o astro lhes tinha aparecido.

8. E, enviando-os a Belém, disse: Ide e informai-vos bem a respeito do menino. Quando o tiverdes encontrado, comunicai-me, para que eu também vá adorá-lo.

9. Tendo eles ouvido as palavras do rei, partiram. E eis que e estrela, que tinham visto no oriente, os foi precedendo até chegar sobre o lugar onde estava o menino e ali parou.

10. A aparição daquela estrela os encheu de profunda alegria.

11. Entrando na casa, acharam o menino com Maria, sua mãe. Prostrando-se diante dele, o adoraram. Depois, abrindo seus tesouros, ofereceram-lhe como presentes: ouro, incenso e mirra.

12. Avisados em sonhos de não tornarem a Herodes, voltaram para sua terra por outro caminho.

13. Depois de sua partida, um anjo do Senhor apareceu em sonhos a José e disse: Levanta-te, toma o menino e sua mãe e foge para o Egito; fica lá até que eu te avise, porque Herodes vai procurar o menino para o matar.

14. José levantou-se durante a noite, tomou o menino e sua mãe e partiu para o Egito.

15. Ali permaneceu até a morte de Herodes para que se cumprisse o que o Senhor dissera pelo profeta: Eu chamei do Egito meu filho (Os 11,1).

16. Vendo, então, Herodes que tinha sido enganado pelos magos, ficou muito irado e mandou massacrar em Belém e nos seus arredores todos os meninos de dois anos para baixo, conforme o tempo exato que havia indagado dos magos.

17. Cumpriu-se, então, o que foi dito pelo profeta Jeremias:

18. Em Ramá se ouviu uma voz, choro e grandes lamentos: é Raquel a chorar seus filhos; não quer consolação, porque já não existem (Jer 31,15)!

Então me ocorreu que longe de ser incongruente com o Natal, essa terrível tragédia de certa forma reverbera o Natal original, que envolveu a morte de crianças por Herodes.

É um lembrete de para quê serve o Natal, o que ele representa. Esse é o modo que Deus usa para entrar no mundo, que está decadente, cheio de maldades impronunciáveis e de sofrimentos terríveis. E é a mensagem de Natal de que Deus não nos abandonou neste mundo, mas que ele próprio entrou na história humana através da pessoa de Jesus para acumular sob si mesmo toda essa maldade e esse sofrimento, para assim nos redimir do mal, nosso próprio mal, e nos trazer a um relacionamento correto com ele, e nos dar cura e vida eterna.

Então espero que essa tragédia seja um lembrete do que realmente significa o Natal, de seu significado mais profundo. Não apenas alegria, troca de presentes e festividades do feriado, mas sim esperança que nos é dada e que sem a qual estaríamos perdidos neste mundo mal e indescritivelmente perverso. Então, em meio a esse sofrimento, a mensagem de Natal que eu penso que temos é que existe esperança e que Deus nos provido com ela.

Como diria o pessoal do blog Why Evolution is True, é quase como se Deus tivesse perpetrado esse massacre para nos lembrar de que existe esperança nesse mundo e que ele está disposto a sofrer em nosso lugar!

E já que ele deseja sofrer no nosso lugar, nada mais lógico do que maquinar um homicídio de 25 crianças inocentes, porque assim ele não precisa ficar à toa sem receber nenhum sofrimento por nós.

Não surpreende que ele pense assim. Craig é um dos poucos apologistas que seguem a Teoria do Comando Divino, na qual qualquer coisa que Deus ordene é boa por si só, independente do quão horrível isso possa parecer se executado por outra pessoa. Leiam esse artigo aqui do blog explicando a Teoria do Comando Divino em maiores detalhes.

Craig chegou ao absurdo de dizer que no massacre de Canaã, as verdadeiras vítimas eram os soldados israelenses que, ó tadinhos, tiveram que matar crianças e mulheres inocentes porque Deus mandou! Será que já existiam psicólogos cristãos naquela época para ajudar esses soldados a superarem esse terrível trauma? Se duvidam que ele disse isso, vejam esse artigo do Rebeldia Metafísica.

Willian Lane Craig é mesmo um excelente orador, tanto é que consegue tirar lindas mensagens de Natal até de tragédias como essa!

Continuação: Craig e o Massacre de Newtown – Parte 2: O que está em jogo

Anúncios

Uma opinião sobre “Craig e o Massacre de Newtown”

Quer fazer um comentário?

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s